You Pop, You Rock

Ação You Pop, You Rock promovida pela Sony Music Brasil usando o canal participativo do You Tube. Uma promoção da Sony, com apoio da Tim, que teve mais de um milhão de views, mil vídeos enviados e 18 selecionados. Agora, os internautas podem votar. Confere aí:
youpoyourock

Anúncios

Twitter das celebridades

omgicu

 

O site de celebridades OMGICU é um produto diferente. Na verdade, é uma plataforma a ser abastecida com mensagens de texto com tweets sobre o paradeiro de famosos. A ideia de Hugh Dornbush foi aproveitar a fascinação das pessoas por fofoca, a onda de conteúdo participativo e o lucro do mobile. Por enquanto, a troca de mensagens entre usuários só está em funcionamento em Nova York. Mas no site, já há um aviso que em breve o serviço estará em outras cidades dos EUA. Será que essa moda pegaria aqui no Brasil?

Compre “amigos” no Facebook e Twitter

Há um potencial publicitário nas redes sociais. Muitas empresas de marketing já sacaram esse nicho de mercado e tentam lucrar com ele. A moda agora é vender “pacote de amigos” no Facebook e Twitter. Os serviços: ampliar número de seguidores no Twitter, vender de colocação na primeira página de sites de relacionamento e comprar amigos no Facebook.

A australiana «uSocial» é uma destas empresas que descobriu o potencial que as redes sociais têm como ferramenta de publicidade. No entanto, encontrar as pessoas certas a quem se dirigir é uma tarefa complicada . A «uSocial» tem disponíveis pacotes para o Facebook entre 1000 e 10 mil amigos, com preços que vão desde os 177 dólares (124 euros) a 1.167 dólares (820,59 euros).

É como se você contratasse alguém para bombar o seu perfil no Facebook. A empresa envia uma mensagem a potenciais consumidores ou público-alvo de seus clientes. A partir daqui fica ao cargo do cliente e do “amigo” decidir se querem adicionar-se ou não. Ou seja, a empresa não acompanha a evolução do relacionamento.

comerciosocial

Fico pensando se os princípios das redes sociais não se deturpam com estas ações de marketing. Redes sociais pressupõem diálogo direto entre dois atores, sejam eles pessoas físicas ou jurídicas. Será que um terceiro ator entre as duas partes não prejudica o diálogo genuíno? Rede é confiança, compartilhamento, troca, criação, aprendizado, autenticidade.

De que adianta ter milhares de amigos, se não dou a eles a atenção que precisam? Mais do que empresas que ajudem a encontrar público-alvo, é preciso orientar empresas a dialogar com seus “amigos”. Um fluxo de mão única não se sustenta nessa nova realidade social. Na minha opinião o que falta é pensar menos em recorde de “followers” e mais em qualificação de relacionamentos na rede.

Eu sou Famecos, modelo de ação de mídia social

A professora Ana Bambrilla, da Famecos, PUCRS, apresentou um case muito legal no Intercom neste final de semana. A faculdade adotou para aprimorar o diálogo com a comunidade e o público-alvo a campanha “Eu Sou Famecos”, uma ação de Social Media Optimization.

eusoufamecos

Quem quiser conferir os slides da apresentação estão aqui:

Orkuteiros elegem a Garota Social

Foi por 1600 votos que a gaúcha Gianna Cremontti, 26 anos, não venceu o concurso de Garota Social, do site de relacionamentos Orkut. Ela foi a segunda colocada, com 12.006 votos.

Formada em Letras, com habilitação em Português/Inglês, Gianna deu uma pausa nos compromissos profissionais para se dedicar integralmente à campanha do ‘Miss Orkut’. Na rede social ela contou com a ajuda de seus milhares de amigos, a jovem tem quatro perfis no Orkut, apoio do namorado e família.

Apesar de todo o esforço da gaúcha, foi a potiguar Fernanda Paiva Diniz, de 23 anos, a grande vencedora, eleita com 13.679 votos. Em terceiro lugar, ficou a paranaense Wandreza Carla Nogueira Basso, de 20 anos, com 11.610 votos.

orkut_beleza